Incorporada

Atualização do valor de repasse do SUS para hospitais pediátricos filantrópicos.

Considerando a defasagem histórica do financiamento do SUS aos hospitais filantrópicos, como também o preceito de prioridade absoluta para crianças e adolescentes, e ainda, o custo das particularidades da infância e adolescência, tais como: a presença de um familiar e a oferta de atividades educacionais e de lazer durante a internação; fracionamento de medicação; entre outros, é urgente e necessário o aumento de valores repassados pelos SUS à assistência hospitalar pediátrica.